1. Skip to Menu
  2. Skip to Content
  3. Skip to Footer

Treinamento

O treinamento de Karatê pode ser dividido em três partes principais:

Kihon, Kata e Kumite.

 

Kihon:

Os fundamentos técnicos do karate são passados aos alunos através dos treinamentos de kihon, porém, no início, tais princípios eram repassados por intermédio dos kata. É no kihon que o praticante irá desenvolver todo o seu potencial para a arte marcial, bem como preparar o seu corpo para as agruras que virão com o passar dos anos de treino.

É também no kihon que o praticante desenvolve o espírito de karatê, pois este é o momento onde os princípios do dojo-kun são postos à prova real e o corpo irá padecer caso o espírito seja fraco ou o desejo de ser karateca não seja verdadeiro. O caminho do karate é vislumbrado pela primeira vez durante os exercícios de kihon e o sentimento de dever cumprido se manifesta com maior intensidade, mesmo quando o corpo está exausto e quase sem forças para andar.

O kihon é uma prática que deve ser feita e desenvolvida para que o karateca aprenda a controlar seus ataques e defesas, pois a partir de um momento aonde se encontra o verdadeiro objetivo do karatê o karateca se transforma em uma arma, tanto suas mãos como seus pés servem de pedra e elástico e seu cotovelos e joelhos servem como rochas que esmagam e sua respiração serve como água, pois a água absorve qualquer ataque. Sabendo controlar sua respiração sua defesa será imbatível e seus ataques mortais.